Secretaria de Saúde alerta para a prevenção da Febre Amarela e Dengue

22
O Departamento de Vigilância em Saúde, setor ligado à Secretaria Municipal de Saúde, divulgou nesta quinta-feira (16/11), a confirmação de dois casos de Febre Amarela em bugios e também um caso de Dengue no município.
Em São Borja, a coleta das suspeitas dos casos de Febre Amarela ocorreram nos meses de setembro e outubro, recebendo o resultado nesta semana, após análise por parte do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), com a confirmação positiva.
Na natureza, as principais vítimas da febre amarela são os macacos, esses animais são considerados como sentinelas, já que servem como indicador da presença do vírus. A transmissão não ocorre de animal para humano. A doença é transmitida somente pela picada do mosquito.
A Secretária de Saúde, Sabrina Loureiro destaca a importância da conscientização da comunidade, “mesmo com todo o trabalho que realizamos de prevenção, tivemos a confirmação dos três casos, e neste momento, nossos esforços estão em fomentar a vacinação contra febre amarela e os cuidados de prevenção ao Aedes Aegypti. Com os devidos cuidados, seguiremos mantendo o controle da situação e a devida prevenção da comunidade”, afirma.
Segundo o último Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti – LIRAa/LIA realizado no município pela 12º Coordenadoria de Saúde (12ª CRS), São Borja está com índice de 7,2%, representando alto risco.
A SMS alerta que aos primeiros sintomas em ambos os casos como febre, calafrios, dor de cabeça, dor nas costas, dores musculares e mal-estar generalizados, náuseas e vômitos, a pessoa procure atendimento médico.
Texto e imagem: DECOM PMSB