Jornada para formação de professores do Programa Interculturais de Fronteira será neste sábado

581

Cinco escolas de São Borja participarão da próxima edição do Programa Interculturais de Fronteira (PEIF), que deverá começar nos próximos meses. O programa oportuniza o intercâmbio de alunos e docentes de cidades gêmeas, como São Borja e Santo Tomé. A interação proporciona conhecimento cultural, linguístico e integração com país vizinho.

Neste sábado (21/11), às 8h30m no auditório do Centro Espírita Ferreira de Moraes, está marcado a 1ª Jornada de Formação dos Professores do Programa Escolas Interculturais de Fronteira. O encontro deve reunir em torno de cem docentes das escolas Vicente Goulart, Ubaldo Sorrilha da Costa, República Argentina, Apparício Silva Rillo e Franco Baglioni, além de convidar os professores das escolas argentinas Josefa Fernandes e República do Brasil.

A 1ª Jornada de Formação dos Professores é uma realização da UFSM, com apoio da Secretaria Municipal de Educação e 35ª Coordenadoria Regional de Educação.

Atualmente os professores estão participando de formação de Ensino à distância (EAD), que será preparatória para ingressar na sala de aula do país vizinho.

O professor brasileiro que ministra na escola de Santo Tomé, vai expor a aula em português possibilitando ao aluno argentino um contato maior com o idioma estrangeiro. Do mesmo modo, o professor argentino lecionará em espanhol oferecendo ao aluno brasileiro uma proximidade maior com a língua e costumes do povo vizinho.

Fonte: Decom/Prefeitura de São Borja