Vem, quero te conhecer

33

Vem, vem com pressa

Exuberante, quero entrar nessa

Vem bela e repleta de elegância

Delírio dos meus sonhos, luz de minhas ânsias

Vem, me conta sobre você

Abra as portas de teu êxtase

Vamos navegar pelo universo

Livres e apaixonados, é somente o que peço

Vem, quero te conhecer

Desvelar o brilho de tua essência

Encantar, com teus beijos, minhas carências

Até a lua encontrar o sol, mágico amanhecer

Vem, minha liberdade te espera

Encantada e poética, sublime quimera

Um épico de duas almas, unindo-se

Cosmologias individuais, integrando-se

Vem, com tuas dores e fantasias

Cá estou, com encantos e alegorias

Adentremos o barco do amor, quanta magia

Será esta sublime viagem, a brisa prenuncia

Vem, e mesmo que não venha

Vieste esplêndida em minha imaginação

Assim a tive, e mesmo que não a tenha

Estas comigo, beldade deste coração.