Entenda-se e Revele-se

99

Você alguma vez já se imaginou num lugar onde todas os papéis, todos os títulos, todos os pronomes de tratamento e todas as conexões desaparecessem?. Um recanto onde todas as máscaras que a gente tenta usar não fazem nenhum sentido, um cantinho onde todas as pretensões que inventamos para impressionar os outros são inúteis. Em outras palavras, um espaço onde todos os adornos, todas decorações e todos os enfeites somem naturalmente e, como consequência, sobre somente você, o seu eu natural, o eu primordial, o eu mais cru, essencialmente nu.

Já pensaste sobre esta possibilidade?. O que você sentiria? Medo? Pavor? Inquietação? Vazio? Tristeza?, ou será que você sentiria Alegria? Plenitude? Paz? Amor? Euforia? Inspiração?.

Independente do sentimento, este é um lugar que vale muito a pena ser visitado, pois é nele que começa a sua caminhada espiritual e evolutiva. É nele que você se encontrará com a genuína e sincera percepção que você tem sobre você mesmo e, a partir daí, após entender, por uma lados os seus medos mais profundos, suas decepções mais agudas, suas feridas mais dolorosas e suas dependências mais evidentes e, por outro lado, seus naturais talentos, suas intrínsecas forças, suas adquiridas habilidades e suas mais belas conquistas, você então poderá tomar uma das mais belas decisões que uma pessoa pode realizar em vida, que é a de ter a coragem para enfrentar seus demônios e suas fraquezas, assim como astúcia para manifestar seus dons e inteligência.

E todo este revelador processo acontecendo numa inóspita realidade onde inexistem outros para realizar comparações, outros para receber opiniões ou outros para tentar impressioná-los.

E ao fazê-lo, você entenderá que a magia da evolução e da espiritualidade reside no fato de que elas são uma relação de você contigo mesmo, que é o único relacionamento eterno em sua caminhada, visto que qualquer outro será temporário, seja por um dia, um mês, um ano, uma década, ou várias décadas, mas sempre existirá um fim.

No entanto, entre você e você mesmo, ele se perpetua até o momento em que o entendimento de sua divina essência e a plena manifestação de suas forças de amor, de sabedoria, de compaixão e de tolerância sejam inerentes aos seus pensamentos, palavras e ações.

Enquanto isto, tire as máscaras, desnude-se de pretensões, desvencilhe-se de fantasias e, como um implacável peregrino, encare a caminhada com determinação, com alegria e com fé, pois lhe garanto que, durante a senda, você encontrará tesouros jamais imaginados, paisagens jamais vistas e sublimes emoções jamais sentidas, os quais são inerentes à sua divina e evolutiva caminhada. Então, brinde-se tão belo presente e seja tudo o que você pode ser, mesmo que você ainda não o saiba, mas que provavelmente já tenha sentido durante aqueles momentos de silêncio e introspecção, onde o todo desaparece e o resta é somente você, honesto, curioso, desejoso e sublime.