Secretaria de Educação orienta sobre novas vagas na rede municipal

4
Fonte: DECOM/ Prefeitura de São Borja

Nas Escolas de Educação Infantis (EMEIs), a Secretaria Municipal de Educação (SMEd) iniciou as atividades do ano na primeira semana de fevereiro e nas Escolas de Ensino Fundamental (EMEFs) e de Educação de Jovens e Adultos (EJA) o ano letivo foi a partir do dia 17/02. Em relação às EMEIs e à EJA, porém, ainda existem chances de confirmação de vagas, segundo destaca o secretário municipal de Educação, João Carlos Reolon.

Quanto à Educação Infantil, a possibilidade de vagas diz respeito principalmente a crianças de quatro e cinco anos, para ingresso no Pré-I e Pré-II. O secretário Reolon observa que o município e as famílias das crianças têm, em conjunto, a tarefa de criar eventuais oportunidades em falta. “Pode até não ser na escola pretendida, mas o nosso compromisso é viabilizar soluções”, segundo destaca.

Nas últimas semanas, a SMEd conseguiu abrir duas novas turmas de pré-escolar, nas escolas municipais Apparício Mariense e Ubaldo Sorrilha da Costa. Além disso, também são abertas oportunidades em escolas estaduais conveniadas. Em alguns casos, na rede estadual, as atividades começam mais tarde, em função da greve dos professores no final do ano passado.

Na EJA

Em relação à Educação de Jovens e Adultos, já há exemplo de outros anos, existem vagas ociosas à disposição nas duas escolas municipais que oferecem a modalidade de ensino – Vicente Goulart e Ubaldo Sorrilha da Costa. Nos dois casos, é possível completar aulas iniciadas ou realizar integralmente o Ensino Fundamental completo.

Para frequentar a EJA é preciso ter idade mínima de 18 anos e não ter frequentado o Ensino Fundamental no período convencional. O aluno vai vencendo a formação pedagógica por etapas e geralmente consegue concluir o Ensino Fundamental na metade do tempo normal de nove anos. Nas duas escolas as aulas funcionam à noite, a partir das 19 horas. Além do ensino adequado para a modalidade, o estudante também recebe refeições e demais assistências necessárias.