Prefeitura contrata Fundatec visando concurso e processo seletivo: 683 vagas

379
Fonte: DECOM/Prefeitura de São Borja

A Administração Municipal Formalizou, nesta segunda-feira (19/08), a contratação da instituição que será responsável por coordenar a realização de concurso público abrindo 303 novas vagas no quadro de servidores efetivos na Prefeitura. O contrato celebrado é com a Fundação Universidade de Empresas, Tecnologia e Ciências (Fundatec). A mesma instituição também coordenará a aplicação de provas em processo seletivo que, a partir do próximo ano, oferecerá 380 contratos temporários nas áreas de Saúde e Educação.

O contrato foi assinado pelo prefeito Eduardo Bonotto e pelo vice-presidente da Fundatec, Victor Magalhães. Também formalizaram o ato o secretário municipal de Administração, Plínio Klein, e o presidente da Comissão Coordenadora do concurso, Cristiano Würfel. A cerimônia também reuniu o vice-prefeito Roque Feltrin, todo o secretariado, os vereadores Sandra Marques e Élvio Feltrin, representantes das universidades e das entidades representativas do empresariado local. Caroline Aquino também esteve no ato, representando o senador Luis Carlos Heinze.

Falando no saguão da Prefeitura, onde aconteceu o evento, o prefeito Eduardo Bonotto disse estar “resgatando um dos compromissos assumidos como gestor e agente público”. Destacou que, “mais do que isto estamos celebrando um compromisso com as futuras gerações e com a produtividade do serviço público, em favor da comunidade com a administração municipal”. Bonotto diz que, diante das dificuldades financeiras que enfrentam todas as prefeituras, está sendo feita um
grande esforço de gestão e criatividade administrativa;

O secretário de Administração, Plínio Klein, prevê a aplicação das provas do concurso e do processo seletivo até o final do ano, projetando que somente para o concurso serão mais de seis mil candidatos. “A chance oferecida é um prêmio aos nossos jovens que querem ingressar no mercado de trabalho e que, a partir do próximo ano, já poderão estar somando na nossa equipe”. Falando em nome da Câmara de Vereadores, Sandra Marques ressaltou as mais de 600 oportunidades de emprego de uma só vez – um recorde , segundo lembrou.

Já vice-presidente da Fundatec, Victor Magalhães, destacou que a fundação é referência em concursos no Sul do país, garantindo isenção, ética e transparência. Ele aproveitou para citar avanços que São Borja está oferecendo. Além do concurso, lembrou a ativação de linha aérea, instalação de free shops e obras de infraestrutura como pavimentação e drenagem.

Cronograma

A Comissão Coordenadora do concurso público e a equipe da Fundatec ajustam detalhes, mas já antecipam um provável cronograma para as diversas etapas do processo. O Edital para o concurso deve sair dentro de um mês, em torno de 15 de setembro.

A ideia é que a partir dessa data comece a fase de inscrições tanto para o concurso quando para o processo seletivo. O presidente da comissão, Cristiano Wërfel, prevê 30 dias para as inscrições e, quanto à aplicação das provas, é prevista para o início de dezembro. A revisão é que as provas ocorram em dois dias, num de semana, e em diferentes horários, para permitir que os candidatos que desejarem possam disputar em mais de um certame.

O valor da taxa de inscrição não está definitivamente confirmado, mas já existe projeção. As provas de nível básico devem ter taxa de R$ 45; as de nível médio/técnico de R$ 65 e de nível superior de R$ 120. Esses valores foram praticados já em 2015.

As vagas

O maior número de oportunidades oferecidas é para o cargo de serviços gerais. São 120, com exigência de Ensino Fundamental. O segundo maior número de vagas será para professor, num total de 110. São 12 docentes de Português, Inglês ou Espanhol; nove de Matemática; 10 de História e Geografia; seis de Ciências; cinco de Educação Especial; cinco de Educação Física; um Orientador Educacional; cinco supervisores e 57 professores de Pedagogia. É preciso formação específica em cada área de atuação.

O concurso criará cargos novos. É o caso de uma vaga de arquivista (nível superior), um cargo de turismólogo (nível superior); uma vaga de psicopedagoga (nível superior); uma vaga de fiscal ambiental (nível médio); e mais uma vaga de analista de Tecnologia da Informação (nível superior).

Em vários outros setores também haverá chance de disputa através do concurso. São os seguintes os setores com a respectivo número de vagas: advogado (1); agentes administrativo auxiliar (10); agente administrativo (2); analista técnico da informação (1); calceteiro (4); desenhista (1); eletricista (6); fiscal de rendas (1); mecânico (3); motorista (10); operador de máquinas rodoviárias (10); pedreiro (2); psicóloga (1); servente (8); técnico em informática (3); e topógrafo (1).

Processo seletivo

De forma concomitante ao concurso público, a mesma fundação aplicará para a Prefeitura provas em um processo seletivo. Serão abertas cerca de 380 vagas temporárias em diversos setores de atividade.

Entre as atividades com processo seletivo estarão as de cozinheiro, atendente recreacionista, monitor, secretário de escola, agente comunitário de saúde, técnico em enfermagem e atendentes em consultórios dentários. Ainda integram a lista técnico em prótese dentária, farmacêutico/bioquímico, nutricionista, psicólogo, fisioterapeuta e fonoaudiólogo.. Ainda existe opção para assistente social, dentista, médico veterinário, enfermeiro e médico clínico.

COMPARTILHE
Artigo anteriorEm Washington
Próximo artigoPromoção na Roda Pneus