Reinvente-se, se ame, saia da zona de conforto

69
Foto: Arquivo pessoal

Pensar que posso me levantar e deixar de estar mofando em uma poltrona me gera uma energia que me leva a euforia de pensar que existo. E nesse momento que avalio nuances de minha própria loucura que é capaz de transformá-la em novos caminhos. Quero enxergar as coisas que estão à frente de meus olhos. Mas, minhas insanas loucuras são aquelas capazes de me levar a profundeza do próprio ser, pois o Universo conspira nosso favor. Para quem acredita. Não farei o mundo acreditar em tudo o que penso pois seria o óbvio da própria ignorância. Porque não nos reinventarmos? Nem que seja metaforicamente levemos duzentos anos. Pois há quem diga que a felicidade mora ao nosso lado, mas com os pés na terra. Reiventarmos para o belo, para o prazer, para o bem viver. Se quisermos vamos nos reinventar até na aparência, ousar no vestir, no sentir ou nos perfumarmos com os aromas da estação. É só querer. Tente…