Mandalas coloridas e com Espírito sempre elevado

46

Compenetrado na arte, na leitura e na cultura, Ramão Pedebos, aproveita a reclusão social para desenvolver sua criatividade artística cada vez mais notória. Discípulo da massagem chinesa Tuiná, aliás ele esteve na China, não deixa nunca de estudar o assunto enquanto não volta as suas atividades normais. Em contra partida tem criado mandalas coloridas para interiores e exteriores para um decor de primeira, que são belíssimas. É um artista de múltiplos talento.