Encerramento da 76ª Festa de Navegantes leva multidão de fiéis ao Cais do Porto de São Borja

1155

Após 10 dias de programação, a 76ª Festa de Nossa Senhora dos Navegantes chegou ao fim com uma grandiosa celebração no Cais do Porto Internacional de São Borja. Segundo estimativas da Brigada Militar, cerca de quatro mil pessoas estiveram no local participando da missa.

Antes da celebração no Porto os fiéis se concentraram na comunidade Nossa Senhora Aparecida, no bairro da Várzea, de onde saíram em procissão à luz de velas, rezando e entoando cantos, com bandeiras que representavam todas as comunidades católicas. A caminhada seguiu por diversas ruas da cidade, onde dezenas de pessoas esperavam em frente às residências para saldar Nossa Senhora dos Navegantes.

O percurso total da caminhada levou cerca de uma hora e ao chegar no Cais do Porto o público se reuniu em volta do palco montado para a missa campal, que foi celebrada pelo padre Flávio Bordão Soares, vigário geral da Diocese de Uruguaiana. Também celebraram os padres das duas paróquias de São Borja, Venildo dos Santos e Aodomar Wandscher, e ao final da cerimônia o público pode se aproximar da Santa para rezar e pegar as flores que estavam depositadas no barco de Navegantes.

O seminarista Glademir dos Santos Rodrigues trabalhou na organização da festa e também coordenou a equipe de voluntários que auxiliou na operacionalização de todas as atividades da programação. Ele conta que a Festa de Navegantes já é um evento tradicional em São Borja e que a programação deste ano começou a ser pensada ainda na semana do Natal, mas foi no início de janeiro que os preparativos se intensificaram.

O seminarista relata que o objetivo da programação deste ano foi dinamizar a caminhada e integração da comunidade, já que foram muitas atividades como a realização do Colonial de Integração dos Navegantes, que teve como finalidade angariar fundos para paróquia e reunir pessoas no espírito de cooperação. Da mesma forma, aconteceu o churrasco de confraternização dos Navegantes no salão paroquial, este em seu segundo ano.

Além disso, pela primeira vez a Procissão Fluvial que antes ocorria no dia 02 de fevereiro, foi feita no dia 24 de janeiro e quem esteve no Cais do Porto, nessa data, pode prestigiar as homenagens à Nossa Senhora dos Navegantes feitas pelo Iate Clube de São Borja.

No término da Procissão Fluvial os fiéis conduziram a imagem até a Igreja Matriz do Passo, abrindo assim a programação oficial com a celebração do 1º dia da Novena Móvel. A Novena Móvel integrou pela segunda vez as paróquias da cidade, sendo que a imagem de Navegantes percorreu diversas ruas e foi acolhida em diferentes comunidades.

Outra mudança na programação foi que, neste ano, a procissão tomou um trajeto mais longo que anos anteriores, saindo da Comunidade Nossa Senhora Aparecida, do Bairro José Pereira Alvarez (Várzea). A equipe de organizadores acredita que a mudança foi positiva, devido ao grande número de devotos que se concentraram no local para a saída da procissão.

“A descida da procissão fez com que as ruas se tornassem um corredor de devotos, concentrados, que iam juntando-se na caminhada tornando-a mais numerosa e bonita. Portanto, o objetivo principal que é sempre de inovar, dinamizar e atrair o maior número de devotos nestes dias de festa, certamente foi cumprido. Assim, para o próximo ano pretendemos fazer uma festa ainda mais bonita”, ressalta Glademir.

A Festa de Nossa Senhora dos Navegantes tradicionalmente é organizada pela Paróquia Imaculada Conceição, do Bairro do Passo, mas por ser o maior evento católico do município, envolve também a Paróquia São Francisco de Borja, do Centro. Assim, muitas pessoas das duas paróquias se fizeram presentes colaborando com toda a programação. Este ano padres de outras cidades também estiveram na cidade, a convite dos organizadores do evento, para celebrar missas, dinamizar a programação e promover ainda mais integração entre as comunidades, como o padre Fernando Pio da Rocha, da cidade de Itaqui, e o padre Flavio Soares, vigário geral da diocese de Uruguaiana.

O padre Venildo dos Santos, pároco da Igreja Imaculada Conceição, no Bairro do Passo, agradece o trabalho e o empenho de cada um dos voluntários. Ele também parabeniza a comunidade católica de São Borja que aproveitou cada uma das atividades da programação, demonstrando toda sua fé e devoção à Nossa Senhora dos Navegantes.

O padre Venildo deixa São Borja no próximo dia 05 de fevereiro para atuar na cidade de Alegrete. Ele comemora que o seu último ato como pároco do Passo tenha sido a Festa de Navegantes e acredita que com isso, encerrou “com chave de ouro” sua passagem pelo município.

Texto e fotos: Lilian Machado – Pascom Passo.