Ballet

77

Damiana Guimarães continua ligadíssima à dança clássica, mesmo residindo fora de São Borja, e sempre relembrando seus bons momentos de bailarina, nesta arte que faz parte de sua trajetória em palcos e descoberta durante sua infância pelas mãos de Salete Maurer e depois Mirian Goulart.

Participou de vários festivais com glamour, vivendo uma história com o ballet, interpretando importantes papeis, agregados a também lançar o seu olhar em cenas que moldaram sua vida como o Bolshoi da Rússia.

Formada em Ballet clássico pela Escola Ivone Freitas, agora vai dedicar-se mais aos estudos, cursando doutorado em Florianópolis em Ciências do Movimento Humano. E complementa a estrela: “Você nunca mais será a mesma pessoas depois de dançar. O Ballet é transformador.”