HIT e HIIT. Qual a diferença?

636

Hoje vamos falar sobre os treinos do momento HIT (High Intensity Training) e o HIIT (High Intensity Interval Training)

Tá, mas qual é a diferença deles?

O HIT: traz como proposta um treino de alta intensidade, como aqueles feitos na musculação, muitas vezes usando métodos de intensificação para que se chegue ao estímulo adequado. “Esse tipo de treino requer muita experiência do praticante, visto que não será priorizada a quantidade de treino, e sim a intensidade (qualidade)”, é um treino de intensidade elevada afirma o professor Diego Bellotti, professor da Bio Ritmo.
Deve ser notado que o Treino de Alta Intensidade não é um conjunto de regras rígidas, mas é um estilo de treino disciplinado, baseado em dois fatores, universalmente conhecidos, que afetam o crescimento muscular – Sobrecarga e Progressão. As repetições devem ser executadas de modo controlado, de tal forma que seja exercida uma tensão contínua sobre os músculos. O segredo é executar as repetições com qualidade, até o ponto de fadiga.

Já o HIIT foi desenvolvido pelo professor japonês Izumi Tabata. O professor Tabata comprovou os resultados deste treino através de um estudo em que comparou treinos longos e moderados com treinos intensivos de quatro minutos. O resultado da comparação dos dados foi muito significativo e aí surgiu o método Tabata.

No HIIT o importante é não aumentar o tempo da atividade. O ideal é manter o tempo curto e realizar o exercício da forma mais intensa e explosiva possível, o período de duração indicado é no máximo 30 minutos. Esse é um dos pontos favoráveis em relação aos treinamentos tradicionais que tem duração de 45 a 60 minutos.

O HIIT tem sido considerado o método mais popular do momento, indicado para a queima de gordura, ganho de massa muscular e também para a melhora da capacidade cardiorrespiratória. Este método se apresenta com uma proposta de treinamento aeróbico aonde são intercalados exercícios de alta intensidade com exercícios de baixa intensidade utilizando os protocolos adequados ao objetivo do aluno.

Engana-se quem pensa que o HIIT é só mais um método da moda. O HIIT vem sendo praticado desde a década de 1990 por atletas, treinadores, preparadores físicos e pessoas que testaram e aprovaram o método como eficiente para melhora do desempenho/performance nos esportes assim como para o condicionamento físico.
Mas para se conseguir resultados reais, o treino deve seguir um protocolo, ou seja, ser realizado da maneira correta. Mas importante salientar que não é por isso que você deve começar a se aventurar sozinho praticando determinados exercícios na sua maior intensidade sem orientação. O melhor é ter o máximo de segurança para evitar lesões e frustrações – e com o método certo, baseado em conhecimentos científicos que vai te guiar a ter os resultados em curto prazo, aí sim, você terá sua melhor experiência e vai conseguir comprovar esses resultados.

Por que preciso de um profissional para fazer um treino HIIT ou HIT?

Primeiro para evitar lesões e segundo porque é do profissional que você poderá cobrar um planejamento para chegar a seu objetivo, e para isso, ele deve ter conhecimento que o permita elaborar o melhor plano de treino com as variáveis, modalidade do exercício (saltos, simuladores de escalada, corridas, exercícios, etc.) e intensidade e duração do esforço (número e tempo total de séries, repetições e intervalos dos exercícios, período e tipo de recuperação entre exercícios e séries, objetivo do total de trabalho realizado no treino).

Ufa! Viu só como tudo isso é mais complexo que se pensa? Mas calma, para isso um bom profissional irá te orientar da maneira correta ao iniciar o HIIT ou HIT, e é por isso que ele é indicado nessas horas, afinal não creio que você queira elaborar tudo isso sozinho(a) e nem mesmo correr riscos de estar fazendo algo errado durante seus treinos, se machucar e ainda não atingir seus objetivos…

Lembre-se que estamos falando de saúde e boa forma, em primeiro lugar!
Fontes:

https://www.webrun.com.br/hit-hiit-sua-saude/ visto em 15.02.2018
www.motorhumano.web.pt visto em 15.02.2018
http://www.robertofrancodoamaral.com.br/blog/saiba-porque-o-hiit-e-o-treinamento-da-moda/ visto em 15.02.2018