Programação do “Maio Amarelo” está sendo organizada em São Borja

135

Com objetivo de envolver ainda mais pessoas em 2019, aconteceu nesta terça-feira, 26, a primeira reunião de organização do “Maio Amarelo” em São Borja. Várias empresas e instituições estiveram presentes no encontro, confirmando participação nas atividades.

Neste ano, o “Maio Amarelo” terá como tema a campanha “No trânsito, o sentido é a vida”.  As atividades que serão realizadas no município propõem o envolvimento direto da sociedade nas ações e uma reflexão sobre uma nova forma de encarar a mobilidade.

A campanha é um convite a todos os condutores e pedestres para optarem por um trânsito mais seguro. De acordo com o Observatório Nacional de Segurança Viária, normalmente, os acidentes não acontecem por um acaso, mas sim, são frutos de escolhas inadequadas e arriscadas. Cerca de 90% dos acidentes têm como motivação as falhas humanas como imperícia, imprudência e desatenção.

O diretor de ensino do CFC Fronteira, Lindolfo Hardt, que também é representante do Observatório Nacional de Segurança Viária no município, destaca que o envolvimento de todos é muito importante, para que a mensagem de um trânsito mais seguro seja difundida.

A primeira atividade do “Maio Amarelo” em São Borja será no dia 25 de abril, com a realização de uma grande carreata. Em 5 de maio acontece um passeio ciclístico e no dia 26 as ações serão encerradas no Parcão.

Mais detalhes da programação serão definidos nos próximos dias. Estarão participando das atividades do “Maio Amarelo” em São Borja o Instituto Federal Farroupilha, CRVA, Câmara de Vereadores, Brigada Militar, CFC Vioeste, Rota Sistemas de Segurança, Escola Recanto da Alegria, Prefeitura, Companhia de Engenharia, Hospital Ivan Goulart, Mobilitá, Pirahy Alimentos e Polícia Rodoviária Federal.

O CFC Fronteira está organizando as ações, em conjunto com as empresas e intuições.