PIS/Pasep de 2016 ainda pode ser sacado

43

Os trabalhadores que ainda não sacaram o abono salarial ano-base 2016 têm até 29 de junho para retirar o dinheiro. Mais de 2 milhões de pessoas com direito ao benefício ainda não resgataram o recurso.

Elas representam cerca de 10% do total e de acordo com Ministério do Trabalho, o prazo não será prorrogado. Para ter direito ao abono do PIS/Pasep é necessário ter trabalhado formalmente por pelo menos um mês em 2016 com remuneração média de até dois salários mínimos.

Além disso, o trabalhador já deveria estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais.

A quantia que cada trabalhador tem para receber é proporcional ao número de meses trabalhados formalmente no ano-base, e varia de R$ 80,00 a R$ 954,00. Quem trabalhou durante todo o ano recebe o valor cheio.

Quem trabalhou por apenas trinta dias recebe o valor mínimo.