Cresce o número de empresas e residências com geração de energia solar em São Borja

132

De janeiro até julho de 2018, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) já aprovou reajustes e revisões tarifárias de diversas distribuidoras de energia de todas as regiões do país. Os impactos nas contas de milhões de brasileiros variam de 5% a 25,87%. Esse é um dos fatores que tem impulsionado o crescimento do setor de energia solar, que além de gerar economia no bolso, também contribui para o meio ambiente, com a redução de gases do efeito estufa.

Em São Borja, muitos consumidores e empresas estão optando por implantarem esse serviço. Segundo o diretor da empresa Energia Solar, Gilberto Parcianello, investir na produção de energia solar pode fazer com que a conta de energia elétrica fique até 90% mais barata.

As residências lideram o ranking de instalações solares, no entanto, comércios, indústrias e prédios públicos também fazem parte e contribuem para essa expansão. Na cidade, são várias as empresas que estão com suas plantas instaladas, gerando economia e contribuindo com o meio ambiente.

De acordo com dados da Aneel, estima-se que, até 2024, mais de 1 milhão de geradores de energia solar estarão instalados em residências e empresas em todo o Brasil.

Uma das últimas empresas a instalar o sistema em São Borja foi a Lamana Distribuidora. No local, as placas solares foram colocadas em duas fases.

“Antes tínhamos um sistema totalmente diferente. Mas, com o desenvolvimento da tecnologia, está sendo possível agregar as placas solares em serviços para as próprias empresas. Na Lamana Distribuidora, por exemplo, um grande estacionamento foi criado, com a utilização das placas”, explica Parcianello.

De acordo com o diretor da Parceria Solar, o crescimento do setor vem aumentando também devido aos incentivos com a oferta de linhas de financiamentos com juros e formas de pagamentos facilitados. Em um período de 4 a 5 anos o investimento já estará pago e os módulos solares têm garantia de geração de energia.

A capacidade solar em São Borja, junto ao constante crescimento, pode levar o município a ser uma referência neste segmento, conclui Parcianello.